Skip to content

Entrevista com a ex-coordenadora da Biblioteca Hans Luciana Melo para o programa Super Libris da TV Sesc.

lub

 

O tema foi sobre Contos de Fadas e o imaginário humano.

lub1

DESPEDIDA!

Olá, Meus Amigos

Hoje encerro minhas atividades na Biblioteca Hans Christian Andersen, um espaço realmente mágico e cheio de significados. Local que me acolheu e me ensinou que uma biblioteca pública, apesar das dificuldades, pode ser um espaço de cultura, interatividade e informação.

Fazer esta escolha não foi fácil, a coordenação da Hans pra mim foi um grande presente que recebi com muito carinho.

Todavia, entendo que para ter representatividade na esfera política; bibliotecários, profissionais do livro, profissionais da cultura devem se engajar nas lutas e militâncias e buscar fazer parte de todo espaço de debate político para que nossas pautas sejam representadas.

LUBA DESP

E como diz o poeta revolucionário Sérgio Vaz:

“Se você faz tudo sempre igual
é seguro que nunca se perca,
mas é possível que nunca se ache.”

Gerusa, Cícero, Neusinha, Ivânia, Maria Lúcia Lima, Nilgel, Marcos, Maria Lúcia Nunes, Sandra, Daniel, Antônio, Samara, Marcela, Henrique, Lau, Seu Paulino da Banca, Guardas da GCM, Os Taxistas, Contadores de Histórias e tantos outros que passaram por esta biblioteca, posso dizer com toda sinceridade que vocês foram essenciais para meu crescimento como ser humano. Muito obrigada por embarcarem nas minhas loucuras!!

Deixo vocês com o sentimento de dever cumprido, tenho muito orgulho de fazer parte da Equipe Hans!!!

Um grande abraço!
Luciana Melo
Coordenadora da Região Leste III
Sindsep-Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo.

OBS.: Nos veremos nas lutas, manifestações, plenárias e reuniões por aí.

Imagem

III Encontro de Literatura Portuguesa para Crianças

ENCONTRO LITERATURA PORTUGUESA

Conheçam os novos coordenadores do Curso Básico de Formação para Contadores de História:

PROFESSORA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Célia Gomes

É atriz, pedagoga, contadora de histórias e arte educadora.
Fundou a Cia Palavras Andantes onde há doze anos desenvolve espetáculos e projetos especiais com narrações de histórias.
Tem realizado projetos com narrativas em lugares em que as pessoas se encontram em situação de adversidade e vulnerabilidade social, como hospitais, abrigos, comunidades com crianças em situação de risco, idosos em situação de abandono, e moradores de rua. Entre esses projetos, destacam-se os projetos: Projeto “Abrigo de histórias” que ganhou o prêmio PROAC literatura 2010 realizando rodas de histórias com moradores de rua, O Projeto “O Fio da memória”, prêmio do edital PROAC Difusão Cultural 2011, com idosos em situação de abandono e o Projeto C.U.R.A. Caminhos Unidos Recriando Arte com narração de histórias em hospitais.
Trabalha para o Hospital Israelita Albert Einstein narrando histórias no hospital e residencial de idosos e ministrando cursos e palestras para equipe e voluntários do hospital.
Integra a equipe de formadores do curso de narração de histórias do Projeto MAD Alegria, da Faculdade de Medicina da USP e foi professora de mitologia na escola de formação de atores para cinema “Stúdio Fátima Toledo”.
É contadora de histórias do grupo musical Vozes Bugras que realiza pesquisa de cantos, mitos e lendas das manifestações culturais de raiz Brasileira.

 

PROFESSOR

Fábio Rosa

Músico, ator e contador de histórias.
Trabalha há sete anos na Cia Palavras Andantes realizando projetos de espetáculos, oficinas e rodas de histórias.
Há cinco anos, trabalha como músico e contador de histórias na “Associação Arte e Despertar” atuando em hospitais.
Realizou o “Projeto Abrigo de Histórias” projeto de incentivo a leitura para pessoas em situação de alta vulnerabilidade social atendidas em abrigos- prêmio PROAC literatura 2010, O “Projeto o Fio da memória”, prêmio PROAC de difusão cultural 2011 e Projeto C.U.R.A. – Caminhos Unidos Recriando Arte – projeto de arte em hospitais, ambos pela Cia Palavras Andantes.
Trabalhou com teatro de bonecos na Cia Trurks e no espetáculo Ramon e Maraó com o Grupo Palavra Cantada e é professor de musicalização enfantil

LISTA DE SELECIONADOS PARA O CURSO BÁSICO DE FORMAÇÃO PARA CONTADORES DE HISTÓRIAS

Em nome de toda a equipe do Curso de formação de contadores de histórias, gostaria de agradecer o interesse de todos os que se inscreveram para participar do curso!
Infelizmente, diante do número de vagas que dispomos para esse formato de curso, e devido ao grande número de inscritos, não foi possível agregar ao grupo nesse momento, tantas pessoas interessadas e interessantes!
São muitos os critérios que foram utilizados para a seleção, mas todos com o intuito de formar um grupo bem heterogêneo, com pessoas de áreas de atuação e experiências distintas, mas em comum o desejo de uma vivência com as narrativas. Assim buscamos criar um espaço que possa favorecer uma troca rica de experiências e diversidade cultural.
A arte de contar histórias é um caminho e todos os que se encontram nesse caminho estão em constante formação. Esse curso será mais uma maravilhosa oportunidade de encontro e vivência que certamente enriquecerá a nossa experiência e prática nessa arte. E assim, convido a todos a seguir nesse caminho e, quem não foi selecionado nesse momento, voltar a inscrever-se na próxima oportunidade e também aproveitar outras possibilidades ricas de formação que estarão acontecendo, como o 10º Festival A Arte de Contar Histórias que promove apresentações, oficinas e palestras gratuitas nas bibliotecas da cidade de São Paulo no mês de outubro e também as palestras abertas que acontecerão nesse curso.
Desejo encontrá-los em breve em algum momento desse “caminho” para trocarmos histórias e experiências, tornando o nosso caminhar mais rico e preenchido de sentido.
“… É em bando que passarinho cantando desperta o sol” (Gildes Bezerra)

Abraços!
Célia Gomes.
Coordenadora do Curso.

Obs.: O curso inicia no dia 30 de agosto, sábado, das 9h às 13h.

Lembramos que a presença no primeiro dia do curso é essencial, quem não puder comparecer automaticamente cederá sua vaga à lista de espera.

Convidamos os cinco habilitados da lista de espera a integrar o primeiro de aula, havendo desistência, serão chamados para continuar o curso a partir da segunda aula.

ALLAN DE FREITAS
ALINE LAURA NASCIMENTO TAVELLA
CAROLINA SOARES MANFIO
CLAUDIA DE MARIA DOS SANTOS
CLEIDIONICE DE OLIVEIRA DELFINO
CRISTINA CROCE DE FREITAS
CYNTHIA LIA DA S. M.PAULINO
DANIEL FRANÇÃO STANCHI
EDMAR BASTOS DO PRADO
ELIZABETH DANIEL
EMERSON VELOSO DA SILVA
ERIVELTON DE MELLO SILVA
FERNANDO DE LOCCO
FLAVIA FERNANDES LEONARDO
ISABELLE BENARD
JACQUELINE YUMI KOMURA
JOSE SEVERINO DA SILVA
JUNIO DA SILVA ALEXANDRINO
LILIAN ATHIE ABDALLA
LUCAS DE OLIVEIRA BENETTI
LUCIANA CARDOSO DE OLIVEIRA SANTOS
MAGNO SANTANA MATOS
MARCELO KEI SATO
MARCIA MARIA ANGELO PAVÃO
MARIA TEIXEIRA CAMPOS
MIQUELINA BERNARDA VEIGA
MIRIAN DE SOUZA CARLOS
PATRICIA FARINA
PATRICIA REGINA VANNETTI VEIGA
PAULA BARISON
REGICELY ALINE BRANDAO FERREIRA
RENATO ALVES DUPIN
SOLANGE SANDOVAL S. MAZIA
THIAGO FERMINO OLIVEIRA
ZULEIKA SCATENA MARTINS CINTRA

LISTA DE ESPERA

1. CLAUDINA PAES DE SOUZA CANDEIA
2. PATRICIA APARECIDA DAS NEVES
3. DENISE AIRES DA SILVA DE ALENCAR
4. MIGUEL SANCHES
5. GABRIELA DA COSTA ROSA

PROGRAMAÇÃO DE AGOSTO

TEATRO

Pandolfo Bereba
Com Cia Circo de Trapo
Pandolfo Bereba era príncipe. E todos sempre esperam que os príncipes sejam lindos, encantadores e perfeitos. Mas Pandolfo Bereba não era lindo, nem encantador e muito menos perfeito. Não era, mas queria que os outros fossem, e isso acabava sendo uma tremenda injustiça, que durou até o dia em que… Para maiores de 5 anos.
Dia 2 de agosto às 14h


TEATRO


DEBATE NA HANS

Diver(c)idades: uma cidade para todos
Organização: Bruna Maria Atalla e Rafael Barreto do Prado
A cidade urbana tem cada vez mais se transformado na unidade de organização espacial de nossas vidas, consequentemente das próprias vidas. Pensar a cidade é gesto político: mobilidade, moradia, alimentação, emprego, lazer… Conformam o espaço e conformam as ideias, parafraseando Milton Santos. E, em tempos de manifestações, quando o caráter privado da cidade é questionado, tornando o espaço urbano público, aumenta-se a necessidade de reflexão. Para tanto, convidamos para o debate: Milan Puh (Croácia), linguista, antropólogo e doutorando em Educação pela USP e Elena Lombardo (Itália), professora de língua italiana e mestranda em Letras pela USP e Fábio Augusto Morales (Brasil), professor de História da PUC-Campinas e doutorando em História pela USP.
Dia 15 de agosto às 14h30

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

Deste e de outro mundo
Com Madalena Monteiro
Nesses contos da tradição oral entraremos em uma viagem imaginária a lugares deste e de outro mundo. Encontraremos em ‘Orelha de ferro’ um pai que, sem saber, escolhe o diabo para padrinho de seu filho, transformando sua vida numa grande aventura. Em ‘Dito e feito’, vamos caminhar com o jovem Hugo e descobrir qual a grande fortuna que ele encontrará ao final da história, sem falar no Macaco, que irá aprontar muito com a velha. Livre
Dia 26 de agosto às 14h


PROGRAMA DE INICIAÇÃO ARTÍSTICA

O PIÁ (Programa de Iniciação Artística) atende crianças e jovens de 5 a 14 anos visando a iniciação e o despertar do interesse pelas seguintes linguagens artísticas: artes visuais, dança, música e teatro. A proposta artístico-pedagógica do PIÁ considera na sua abordagem as sensações, sentimentos, conceitos, valores e significados culturais e sociais. As brincadeiras, experimentações e convivências entre artistas-educadores, crianças e jovens, geram os processos artísticos que revelam, em suas incessantes transformações, o desenvolvimento da sensibilidade, percepção e imaginação. Inscrições abertas, diretamente na Biblioteca.

VISITA MONITORADA

Visita Monitorada com Contação de Histórias
As 3as e 4as feiras, às 10h e/ou 14h, mediante agendamento prévio.
Para agendamento de escolas, por favor, enviar oficio assinado para o endereço da biblioteca ou e-mail para: bibliotecahans@gmail.com com as seguintes informações: Nome da escola, endereço e telefone, disponibilidade de dia e horário, responsável, quantidade de crianças e adultos, faixa etária, especialidades ex.: cadeirante
Esperamos por vocês!

Imagem

Curso Básico de Formação para Contadores de Histórias!

CURSO BÁSICO DE FORMAÇÃO PARA CONTADORES DE HISTÓRIA

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 105 outros seguidores